Untitled Document
  • Arquivo de 'Críticas'



    postado por: redacao | 22 ago 2016

    Dirigido por Paul Greengrass. Roteiro de Paul Greengrass e Christopher Rouse. Com: Matt Damon, Tommy Lee Jones, Alicia Vikander, Vincent Cassel, Julia Stiles, Riz Ahmed, Ato Essandoh, Scott Shepherd, Bill Camp, Vinzenz Kiefer e Gregg Henry.

    Matt Damon continua fazendo um trabalho competente, mas o roteiro impede que ele avance. Ele evoluiu com o passar dos anos de uma forma grandiosa, porém, mesmo com o novo desafio, não foi algo marcante. O desenvolvimento de personagem é mais fraco do que nos anteriores.

    O elenco faz um bom trabalho. Tommy Lee Jones entrega uma interpretação sólida como o diretor da CIA. Embora o Vincent Cassel tenha um personagem unidimensional, convence como um assassino hábil e perigoso. Alicia Vikander é a maior supresa do filme. Ela é semelhante à Pamela, só que mais fria e misteriosa, com um objetivo inexato. Um grande potencial que foi muito bem trabalhado, cheia de nuances e camadas que intrigam o expectador. Espero que ela retorne, caso tenha uma sequência.

    O Greengrass segue a mesma fórmula de antes e elabora um bom trabalho, mas fez algumas escolhas infelizes na direção. A movimentação de câmera com falta de controle e o excesso de zoom atrapalham em alguns momentos. Por outro lado, ele adicionou mais insanidade na última perseguição, criando um resultado fabuloso. No roteiro, mesmo com o Greengrass trabalhando aqui também, a saída do Tony Gilroy(roteirista dos anteriores) ocasionou em um efeito negativo. As motivações do protagonistas são pouco convincentes, a trama é genérica e existem muitas soluções previsíveis.

    A ótima trilha sonora agrega bastante para o ritmo da trama, deixando as cenas mais intensas e criando um tom mais sério. A luta final, além de possuir uma coreografia excelente, tem uma fotografia de encher os olhos. Aliás, não só essa luta, como todo o filme. As paletas de cores da franquia sempre me impressionam.

    1