Untitled Document
  • postado por: redacao | 20 jul 2017

    Nossa equipe foi assistir o filmaço da Mulher-Maravilha legendado é claro, e fizemos nossa crítica confira abaixo:

    O filme conseguiu convencer?

    Sim! Diana Prince, representa o que há de melhor entre nós, ela tem empatia, inocência, garra, senso de justiça e, principalmente, ela é uma mensagem de esperança. Não só para o mundo dos homens, como para Temisciria. Se as amazonas já estão cansadas e marcadas pela guerra que as levou à ilha paraíso, Diana possui um senso de aventura e determinação que a torna não só a emissária perfeita, como também a heroína amazona que o mundo precisa. Diana não é um poço de niilismo e tragédia como o Batman e o Superman do universo cinematográfico da DC, ela é capaz de ver a tragédia, de hepatizar de verdade com aqueles que sofrem, de querer ajudá-los e de se preocupar com o que vem depois de seus atos. Não é sobre o umbigo de Diana, não é sobre revanche, é sobre a humanidade.
    Mulher Maravilha e Gal Gadot são uma única pessoa, tanto que é visível todas essas camadas de Diana de maneira incrível, a atriz consegue acertar não só a postura de princesa guerreira, mas também o de uma garota que apesar de curiosa com um mundo novo, não compreende suas regras machistas e por vezes repugna muitos de seus aspectos. Fisicamente ela se impõe como guerreira sem que nos faça duvidar de todo o seu poder. Sua humanidade nos torna próximos aind amais da heroína, quem não queria desistir dos seres humanos egoístas e sem compaixão nenhuma?
    “Entertainment Weekly”, que analisou a quebra dos padrões masculinos em filme de heróis. “É deliciosamente irônico que em um gênero em que os meninos parecem ter toda a diversão, uma heroína e uma diretora são as que mostram para os rapazes como se faz”, escreveu Chris Nashawaty. Mark Hughes, da “Forbes”, ficou impressionado pelas locações e o uso inteligente da computação gráfica, e elevou o filme a clássico. “‘Mulher-Maravilha’ é uma eletrizante conquista cinematográfica. Performances incríveis e visuais impressionantes fazem um dos melhores filmes de super-heróis de todos os tempos”.
    “Na recente enchente de filmes de heróis, muitos acabam sendo bons”, opinou Alonso Duralde, do “The Wrap”, e acrescentou: “Mas ‘Mulher-Maravilha’ se qualifica como um dos poucos excelentes” Lindsey Bahr, da Associated Press, afirmou que o filme tem suas falhas, mas que o produto final é gratificante. “Não é perfeito, mas é constantemente bom, algumas vezes excelente e excepcionalmente dá para ver novamente”. “Basta ver a imagem confiante de Gal Gadot sozinha em um campo de batalha já perdido com apenas um escudo, uma espada e uma missão – e prevalecendo. É o suficiente para causar arrepios”, concluiu.

    A sequencia do filme pode ser anunciada com detalhes de ano e início de filmagens ainda este mês na DCC, vamos cruzar os dedos neh!

    Música do final do filme: To Be Human – Sia

    O site “Rotten Tomatoes”, tradicional agregador de críticas internacionais, indica que 96% aprovam a nova produção da DC – somadas avaliações da imprensa especializadas e do público em geral.